No backstage da canção

Foram 7 edições deliciosas até a oitava e/ou primeira edição 2010 do projeto Quanto Vale uma Canção que vai acontecer no dia 18 de março.

A idéia é criar um ambiente propício para os compositores cantarem e contarem um pouco sobre o processo de criação das suas músicas. O formato da apresentação é acústico: voz e violão, ou à capela ou… “vai no simples”.

Quando fui chamada pelo Dani Turcheto pra fazer parte do grupo de organizadores do projeto, não tive a menor dúvida que estaríamos inaugurando uma oportunidade excepcional no circuito da canção, tanto para nós autores, quanto (e principalmente) para o público. Histórias engraçadas, canções inéditas, parcerias inusitadas, músicas originalmente com arranjos complexos apresentadas de uma maneira direta e despretenciosa, tudo isso acontece ali, sempre na terceira quinta-feira do mês, no Teatro da Vila.

A idéia é criar uma rotatividade entre os artistas que se apresentam abrangendo uma grande diversidade de estilos e abrindo espaço também para novos talentos.

Vale dizer que QVUC é um braço de um projeto muito maior chamado QUANTO VALE? criado pelo Coletivo Navegantes, com a intenção de questionar o valor do produto artístico. Nos shows produzidos pelo QUANTO VALE ?, a entrada é livre e o espectador paga na saída o quanto acha que valeu o show.

Nesta edição, a Iara Rennó será a convidada especial da noite…

Tá valendo!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *